Qualidade da água potável foi assunto de audiência pública na Câmara Municipal

A Câmara Municipal de São Carlos realizou na tarde da última quarta-feira, dia 14, uma audiência pública para tratar de assuntos relacionados à qualidade da água potável distribuída pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE). O evento foi solicitado pelo vereador Daniel Lima, por meio do requerimento nº 1294/19, aprovado por unanimidade em sessão ordinária do Legislativo.

 

eesc safewater3

 

Na ocasião, compareceram o presidente do SAAE, Benedito Carlos Marchezin; a gerente de operações de tratamento de água e esgoto da autarquia, Leila Jorge Patrizzi; o professor da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), Pedro Fadini, o diretor da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) da USP, Edson Cezar Wendland, e o secretário municipal de Meio Ambiente, Ciência, Tecnologia e Inovação, José Galizia Tundisi, que utilizaram a tribuna; além do vereador proponente do evento, Daniel Lima e outros parlamentares.

 

Durante sua fala, Leila Patrizzi esclareceu que o SAAE realiza todas as análises da água previstas em lei e até mesmo outras não previstas e que os resultados estão em conformidade com a legislação. O monitoramento é feito pela própria autarquia e por empresas terceirizadas, ainda há o apoio por meio de parcerias com a USP e a UFSCar.

 

A gerente de operações também destacou que na análise para a presença de agrotóxicos na rede de captação do SAAE, todos os resultados acusam valores menores que o limite de quantificação.

 

Após a explanação de todos os participantes, o vereador Daniel Lima destacou que a água fornecida pelo SAAE em São Carlos é de qualidade e que todos os cidadãos podem usufruir com segurança e qualidade desse bem.

 

Adaptação de Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de São Carlos

EESC para você         

Autonomia Universitária

Mais Buscados

Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo.